UPA Noroeste no Jornal Super

CONSTRUÇÃO DA UPA NO BAIRRO SÃO SALVADOR
Nós, moradores do bairro São Salvador, em Belo Horizonte, gostaríamos de saber até quando vamos ter que esperar para a prefeitura construir o empreendimento número 64, a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da regional noroeste. A obra foi conquistada no Orçamento Participativo de 2008, para ser executada nos anos de 2009/2010. O empreendimento foi aprovado de forma unânime pelos moradores, com uma participação que bateu  todos os recordes do Orçamento Participativo de Belo Horizonte, devido à necessidade de um equipamento deste porte na área da saúde em nossa região. A regional noroeste já deveria ter uma UPA, mas até hoje estamos pedindo por equipamentos de saúde para atender a população de forma digna. Até quando vamos ter que esperar o início das obras de construção da UPA Noroeste?

Sawel Peres

RESPOSTA
Em resposta ao leitor Sawel Peres, a Prefeitura Municipal de Belo Horizonte informa, por meio da Gerência Regional de Orçamento Participativo, que a demanda da UPA Noroeste já foi licitada em agosto deste ano. O processo está sendo homologado para dar ordem de serviço para desapropriação do local onde a obra será construída. A empresa responsável é a Petrel Engenharia e há planejamento para que a obra tenha início ainda em 2011.

Prefeitura de Belo Horizonte

Poste comentários aqui e lá no Super

Não Fique Calado Esperando

Sou morador do bairro São Salvador e estou totalmente chateado com o descaso da PBH para com nosso bairro ganhamos a construção de uma Área de Esporte e Lazer no Bairro via Orçamento Participativo ha 4 anos e até hoje nada, ganhamos a construção da de UPA já faz 2 anos até hoje nada, nossa regional ganhou a construção de uma trincheira na pracinha São Vicente faz dois anos via OP digital até hoje nada, porque tanto descaso com nossa região? Porque a obra do OP digital da praça Raul Soares em menos de um ano estava pronta e a nossa já faz dois anos e nada. Porque que obra que perdeu para nossa já vai iniciar como a da alça de Nova Lima e a nossa até hoje nada, Porque encher meu bairro de placas de perigo com enchente, ao invés de arrumar o bairro que moro, e mais estas placas são de total poluição visual, e mesmo assim há colocam e quando um dono de comercio coloca uma placa logo vem a PBH multando e retirando a placa porque PBH tanto descaso com nossa regional, com meu bairro, com minha rua, com minha família… E ainda manda todo lixo da cidade para um aterro sanitário em minha região totalmente super lotado, faz enfrentar ônibus lotados com uma passagem de valor exorbitante para trabalhar, passear e estudar. Sabe o que mais me chateia todo ano sem atraso me cobra um alto valor de IPTU. É PBH como é visível o seu plano de metas e de nenhum resultado…

Sawel Peres

________________

ENQUANTO ISTO EM CONTAGEM

Parque Tropical: a mais nova opção de lazer em Contagem

Área na região do Petrolândia foi tranfomada em complexo esportivo e de lazer

Ronaldo Leandro
Ginásio Poliesportivo do Parque

No próximo sábado, dia 13, Contagem ganhará mais um espaço para o lazer, para a promoção da saúde e para a convivência entre seus moradores. Será inaugurado, na região do Petrolândia, a partir das 9h, o Parque Antônio Pereira Cardoso ou, simplesmente, Parque Tropical.

Aprovada no Orçamento Participativo 2006/2007, a implementação do parque atendeu reivindicação antiga da comunidade local, recuperando e revegetando uma área de 44 mil metros quadrados que, abandonada, servia de bota-fora e foco de doenças.

O Parque teve origem nas obras de infraestrutura e saneamento da Bacia do Imbiruçu e está em área recuperada ambientalmente através das intervenções de saneamento do Córrego do Sítio. O espaço, longitudinal, acompanhando as margens do corpo de água, recebeu mais de 300 mudas de espécies nativas da região,entre elas, Ipê Branco, Ipê Rosa, Ipê Roxo, Aldrago, Sapucaia, Boneteira, Açoita-Cavalo, Angico-Vermelho, Angico-Branco, Guapuruvu, Mulungu, Pau-Serro, Pau-Brasil e Pau-Mulato. A revegetação foi feita conforme estudo desenvolvido pela Fundação de Áreas Verdes de Contagem (Conparq) em parceria a Emater.

Na área interna do parque foi construído um complexo esportivo e de lazer, que conta com ginásio, quadra poliesportiva descoberta, pistas de skate e caminhada, playground, quadras de peteca e vôlei, mesas de jogos e espaço multiuso com lanchonete, dentre outros atrativos.

No local também funcionará um Núcleo do Programa Nacional de Esporte e Lazer na Cidade (PELC), que oferecerá aos frequentadores diversas atividades esportivas e culturais, como aulas de futsal, basquetebl, handebol e oficinas de dança, capoeira, tambor e violão.

O Parque Tropical está numa região que tem população estimada entre 50 a 60 mil pessoas, distribuídas nos bairros São Caetano, Lúcio de Abreu, Chácaras Contagem, Belém, Santa Helena, Tropical, Petrolândia, São Luiz, Sapaucais I, II e III, Beija-Flor e Campo Alto. Ele está localizado à rua 42, s/nº, no bairro Tropical, e possui diversos acessos. O mais importante é feito pela direita da Via Expressa, no sentido Contagem/Betim.

Fonte: Portal Prefeitura de Contagem

Viram o que estamos perdendo?

Mostre também sua indignação:

http://portalpbh.pbh.gov.br/pbh/ecp/comunidade.do?app=pbh&faleconosco.do&tax=0

http://del.icio.us/post?url=http://fernandopaes.ppg.br/blog/?p=&title=&notes=

Prefeitura Apresenta nesta quarta-feira Projeto da U.P.A Noroeste

Iº Assembleia Regional

Quarta Feira Próxima a Prefeitura de Belo Horizonte irá realizar um evento inédito – Pelo Menos do tempo que o bairro São Salvador esta no processo do O.P. (desde 2004) – Ela irá apresentar em tempo recorde um projeto do O.P.

Em menos de um anos o projeto da U.P.A esta pronto. E mais, o lote para a construção do empreendimento já esta com decreto de utilidade pública assinado pelo Prefeito Márcio Lacerda. Quem dera se todas as obras O.P. fossem assim.

Iº Assembleia Regional

Data: Quarta-Feira 28 de Outubro

Horário: 19:00h

Local: Escola Estadual São Salvador

Compareça!!!!!!! Ajude a comissão de Mobilização e articulação do O.P. São Salvador a fiscalizar as Obras do O.P. e abaixo os oportunistas que tentam vincular o seus nomes U.P.A. Noroeste que foi conquistado pela Comunidade!!!!

Vitória da Comunidade e de seus atores sociais locais Organizados!!!!!!!!!!!!!

Mais sobre a U.P.A – Noroeste

A U.P.A. – Noroeste era uma demanda antiga dos moradores do Alipio de Melo, Dom Bosco, São Salvador e Região. A regional Noroeste é a única da cidade que não tem este equipamento de saúde. Em 2008 apos uma série de polêmicas o  Morador Ivanir Maciel entrou com pedido solicitando sua entrada no Orçamento Participativo. A Juventude Kolping apoiou a mobilização e comprou a briga de articular com os delegados de 54 bairros da Regional Noroeste. E foi aprovado o  empreendimento mais caro do O.P. 2009/10.

PBH Chega de Lero Lero – Protesto na Rede Globo

Terça-feira 06 de Setembro são 12 horas 15 minutos. Um helicóptero sobrevo o São Salvador e rompe o silêncio do bairro – A principio parecia um desdes que passam pelo bairro perseguindo algum bandido – passam pq aqui é um bairro muito seguro – não tem bandidos!! Mas ele estacionou no ar e começou a incomodar, resolvi ligar a tv para confirmar minha suspeita. Sim era ele O Globocop que mostrar a região mais militante do orçamento participativo (São Salvador, Alípio de Melo e São Jose) veio também mostrar o lote baldio de 4000 mil metros quadrados que há 50 anos é especulado por um indústria local. Acompanhe a matéria exibida no MGTV do dia 06 de Outubro e deixe seu comentária aqui e no blog da Rede Globo.  Em breve colocaremos o vídeo.

PBH Chega de Lero Lero – São Salvador no Super Notícias

Panelaço Super

Panelaço Super

O Super Notícias –  Jornal de maior circulação em Minas Gerais – Segundo no Brasil – Publicou nesta  segunda-feira – 28-09-09, protesto dos moradores do Bairro São Salvador sobre o atraso das Obras do Centro de Esporte e Lazer aprovado no Orçamento Participativo em 2006.  O protesto foi enviado pelo morador Sawel Peres membro da comissão de fiscalização das Obras aprovadas no O.P.

Leia e escreva o que vc e sua familia pensam do atraso no início das obras.